quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Família



Família é um grupo de pessoas que se reúnem para crescerem e aprenderem juntos. Podemos lembrar que Jesus, também teve família. A família é formada não só pelos laços de sangue, mas também por laços espirituais, pelos laços afetivos, e também pelos laços que nós adotamos. Os familiares que já desencarnaram continuam fazendo parte da família.

Há diferentes tipos de família:

* famílias em que o pai e a mãe trabalham fora de casa
* famílias onde só a mãe ou só o pai trabalha fora de casa
* famílias com pai, mãe, filhos, avós ou tios
* famílias onde o pai, a mãe, os filhos ou os avós desencarnaram
* famílias em que os avós moram com os filhos e os netos
* famílias com filhos adotivos ou não
* famílias onde algum filho já casou e mora em outra casa
* famílias com número diferente de filhos (um, dois, três)
* famílias em que o pai ou a mãe não moram com os filhos
* famílias que têm apenas mãe e filhos ou só pai e filhos
* famílias em que os pais se separaram e não moram mais juntos
* famílias onde os pais se separaram e casaram de novo ou tem outra (o) namorada (o)

O que poderemos fazer para que a nossa família seja melhor? Como podemos ser caridosos na família? .... Obedecendo, não brigando, respeitando os integrantes da família, realizando pequenas tarefas no lar (lavar a louça, arrumar a cama, guardar os brinquedos).

Os nossos familiares também erram, acertam e merecem nosso carinho e perdão.

Os nossos pais nos amam e querem o melhor para nós, por isso nos educam.

É muito importante a nossa união com os nossos irmãos.

Cada um tem a sua importância na família.

Nossos familiares trabalham, estudam, cuidam do lar, nos dão carinho e amor. Cada pessoa é única, tem gostos, qualidades e atitudes diferentes. Devemos amar e respeitar as pessoas como elas são. As pessoas de nossa família são nossos amigos. Podemos conversar com elas quando temos problemas ou precisamos de ajuda. Podemos colaborar na harmonia do lar não brigando, obedecendo aos pais, ajudando nas tarefas domésticas. Uma família é feita de união, respeito, gratidão e amor.

Antes de nascermos em determinada família, nos programamos no plano espiritual, nos comprometendo com aqueles que iremos viver.

Paula Andrade - Evangelização Espírita Infantil 

sábado, 24 de setembro de 2016

Ligue as Figuras



Clique na figura da esquerda e arraste até uma figura correspondente da direita, fazendo a associação através de forma, cor, silhueta ou lógica. Disponível também na versão para aparelhos android com “touch”. Baixe também a versão para android no Google Play.

Um jogo que estimula o raciocínio e promove o aprendizado.

Clique na imagem para jogar.

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

O Jardim das Virtudes



O pequenino Rafael estava surpreso e sentia-se muito feliz.

Olhava a sua volta, encantado! .... Que lugar lindo! Tudo era harmonia no caminho onde passava! Árvores frondosas e a grama macia e verde davam ao lugar uma aparência muito bonita.

Os passarinhos cantavam alegremente! E as borboletas voavam enfeitando a paisagem.

Onde estaria Rafael? Que lugar seria aquele? Enquanto pensava, ouviu uma voz...

- Rafael seja bem-vindo. Venha Rafael! ...

- Olá!!! Mas quem é você? (Indagava o Rafael)

- Rafael sou seu amigo... (respondia aquela voz)

- Que lugar é este? (Perguntava o menino curioso)

- Aqui é a Terra dos Sentimentos. Vamos visitar o Jardim das Virtudes?

Quando Rafael adentrou no Jardim das Virtudes, as flores começaram a cantar uma linda canção. Ouçam...

“Nós somos as florzinhas de um jardim cheio de luz, a Terra é o canteiro o jardineiro é Jesus...”

Rafael sorria alegremente pois achara linda a música que acabara de ouvir, Rafael vê muito curioso um grupo de folhagens verdes que possuíam nomes diferentes e que Rafael não conseguia entender.

Uma era PACIÊNCIA, a outra era GRATIDÃO e a demais era a HUMILDADE... Porque elas teriam esses nomes? Vamos ouvir o que elas nos têm a dizer?

Primeiro apresentou-se a Paciência:

Perante as provas da vida
Maior que toda ciência
O que nos guarda e conforta
É a lição da paciência.

Em seguida a Gratidão:

Eu me chamo GRATIDÃO
Que ao Pai sempre agradece
O nosso lar a reencarnação
A glória e bênção de nossas vidas.
O meu coração que te guarda
Esquece o mal e a reclamação
Perdoa a todos e ajuda ao irmão
Levando à evolução.

Por último apresentou-se a HUMILDADE:

Rafael, querido amigo,
Somos as flores da HUMILDADE
As divinas mensageiras
Desta sublime verdade

Tudo que temos e somos
Desde o nosso nascimento
São bênçãos do Criador
Para o nosso crescimento.

Quando terminaram, Rafael continuou o seu passeio e dessa vez avistou um pequeno grupo de flores amarelinhas. Parou admirado diante delas e quando elas perceberam a sua presença cantaram:

FRATERNIDADE palavra tão bonita!
Fraternidade é mudar o coração
Fraternidade que o mundo necessita.
É ser irmão do seu irmão.

Tudo e todos pela vida
Sem ter mais gente excluída
No banquete que nos dá Jesus
Caminho e Verdade, vida e luz!

Sim, são flores da fraternidade. Após ouvi-las, Rafael compreendeu então que a fraternidade era irmã da caridade e do perdão.

Seguiu a observar a sua volta e descobriu pequeninas flores azuis.

Ele ficou encantado e cada vez mais feliz.

Pensou então, ainda curioso:

Como será que chamam estas lindas flores azuis?

E as flores como se entendessem o seu pensamento, responderam felizes:

Vivemos sempre sorrindo
Estamos sempre contentes
Espalhamos felicidade
Onde estamos presentes
Paz e ordem inspiramos
Nas bênçãos de cada dia
Vocês sabem quem nós somos?
DISCIPLINA E ALEGRIA.

Em seguida, caminhou um pouco mais e encontrou as flores brancas que também tinham alguma coisa para lhe falar, vamos ouvi-las?

Sonho tão bonito
Onde todos são amigos
Paz Universal onde não haja excluído
Paz que faz que ame ao meu irmão
Nos faz cristãos, nos unem as mãos
Paz e alegria amor e harmonia
São coisas que trago nesta encarnação
E que farão amar ao meu irmão

Que a paz nasça em mim
Que ela nasça em ti
Nasça entre os povos
Plantemos então a grande missão do Brasil na Evangelização.

Rafael não sabia que o Brasil tinha uma missão tão importante!

No final de sua jornada, Rafael ouviu mais uma vez a mesma voz amiga perguntando:

Rafael, você se lembra da Parábola do Semeador, que Jesus contou?

- Claro que sim... – respondeu ele continuando - ... as sementes da parábola são os ensinamentos de Jesus.

- Isso mesmo! E a terra fértil representa o nosso coração. – Completou a voz.

Rafael entendeu então que fazendo o que Jesus nos ensinou transformaremos nosso coração em um JARDIM DE VIRTUDES.

Rafael ficou deslumbrado e perguntou aquela sábia voz:

- Que lugar é este? Onde fica este jardim aonde estou?

- Rafael, esse lugar fica pertinho... esse jardim está em seu próprio coração...

Rafael entendeu por fim que para atingir o AMOR é preciso andar um longo caminho, que nem sempre é de flores, mas se usarmos o caminho das virtudes é certo que alcançaremos o amor, pois ele resume toda a doutrina de Jesus.

A vivência do amor é a ação modificadora do ser espiritual que existe em nós, capaz de evangelizar e transformar toda a Terra.

Tem o Brasil grande tarefa neste sentido.

Texto adaptado da peça realizada na COMEERJ 2001, com o tema Evangelizar é a missão do Brasil, baseada no livro O Jardim das Virtudes, de Benedita Fernandes e Luis Antônio Ferraz.

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

O Passe (Perguntas e Respostas)



1. O que é passe? Transmissão de energia e fluidos.

2. A transmissão de energia é feita de quem para quem? A transmissão de energia é feita de uma pessoa encarnada auxiliada magneticamente por um espírito para a pessoa necessitada.

3. Qual a importância do passe? Quando recebemos passe, os fluidos e energias radiadas pelas mãos do passista nos ajudam a equilibrar a saúde física e espiritual.

4. Quando devo tomar passe? Ele é o remédio ideal para a mente. Devo tomar quando há necessidade, como exemplo se estou doente ou muito triste e desanimado.

5. Que acontece quando recebo o passe? Ele nos ajuda a equilibrar nosso organismo e emoções, nos fortalece o espírito nos dando coragem e nos harmonizando.

6. Se eu estiver doente e receber o passe preciso de médico? O Passe é um tipo de remédio que ajuda nosso organismo, mas necessitamos de tratamento médico também.

7. Só os espíritas aplicam passe? Não o passe ou a transmissão de fluidos é utilizado por nós mesmos ou outras crenças, exemplo temos da mãe quando sopra um machucado do filho, com amor e intenção de curar, dos evangélicos quando dão a “Paz do Senhor” estão efetuando um passe, assim como os católicos quando impõem as mãos e dão a benção final em seus rituais.

8. Todos podem dar passe? O Passe, assim como a comunicação mediúnica, não é exclusivo dos espíritas: qualquer um, independente de sexo, ou religião, pode aplicar ou receber um passe. O passe é operação de boa vontade, ato de amor e doação. Para o passista (aplicador do passe) é uma oportunidade de exercer a caridade.

sábado, 10 de setembro de 2016

Jogo Reciclagem



Um jogo educativo que utiliza o conceito e a prática da reciclagem.

Clique na imagem e jogue.

quinta-feira, 8 de setembro de 2016

Ghandi, o Herói da Paz

Conheça um pouco da história de Ghandi com esse breve resumo em vídeo musical do livro infanto juvenil, "Ghandi, o Herói da Paz", da coleção "Heróis da Verdade" e autoria das escritoras Vida Maeve e Ligia Miragaia.


terça-feira, 6 de setembro de 2016

Aprendendo a Canção: Acolher - Elizabete Lacerda



Acolher


Eu olho a chuva que vem lá do céu
Fico pensando se vai me molhar
Tantas crianças sem nenhum lugar
E a chuva cai!
O lar é bênção pra quem vai chegar
Um bom lugar para se abrigar
Tantas crianças por aí sem lar
E a chuva cai!
É preciso então, o Sol chegar
É preciso então, agasalhar
Toda criança quer um Lar
Quer amar, amar, amar...
Se envolver nos braços teus
Sorrir, sentir o amor de Deus enfim
Viver, pra ser feliz e entender
Que um dia O sol pra ela vai nascer
Amar...
Se envolver nos braços teus
Sorrir, sentir o amor de Deus enfim
Viver, pra ser feliz e entender
Que um dia O sol pra ela vai nascer

Eu olho a chuva que vem lá do céu
Tantas crianças sem nenhum lugar
O sol pra elas também vai nascer
Um lar, um Sol, um céu
Um lar, um Sol, recomeçar
Acolher!

Elizabete Lacerda